quarta-feira, 21 de maio de 2014

Marco Silva, o senhor que se segue!


Bem vindo ao Sporting e boa sorte!

Já o tinha dito ontem, na despedida de Leonardo Jardim, que este não seria um regresso ao ano zero porque a Direcção era mais forte. Há competência e vontade de resolver os problemas. A solução, a primeira escolha do Sporting foi rápida e certamente agradou a grande parte dos Sportinguistas.

Não interessa fazer futurologia. Não interessa o passado do Marco Silva porque o Estoril, com todo o respeito que merece, não é o Sporting. Tradicionalmente nos três grandes as coisas mudam de figura, e o Paulo Fonseca que o diga.

Interessa sim, dar as condições ao Marco Silva para fazer um óptimo trabalho. Sim, o bom trabalho já não vai chegar na época 2014/15. Um contrato de 4 anos é um bom ponto de partido para um projecto que se espera, não sendo uma cadeira de sonho, de continuidade. 

Os adeptos do Sporting esperam títulos. Para já tudo é muito bom, viu-se a recepção ao treinador no auditório em Alvalade, mas não há dúvidas que tudo está à espera do regresso do Sporting aos títulos.

Marco Silva começou bem com "ambição só pode ser vencer, vencer, vencer", passando por um "se não estivesse preparado não estaria aqui" e terminando com um "querer ser campeão no Sporting é algo natural".

Espaço e tempo é importante. Os holofotes viram agora para outro lado. O Sporting tem equipa técnica para 14/15, Direcção há muito que o tinha, a silly season vai começar. Do plantel, aguardemos até Agosto para fazer uma análise séria.

Digam lá que não sabe muito bem não haver filmes e comédias em torno dos treinadores, ver os problemas serem resolvidos com rapidez e segurança. Por onde andava este Sporting?

3 comentários:

Leo Filo disse...

Agora não há filmes sobre os treinadores!? Então o que se passou no último mês foi só uma novela, com um Uppercut final!
Pelo menos desta vez BC preferiu não dizer qual era o valor a cláusula de rescisão! É a "transparência",tal como o valor de aquisição e contrapartidas dos dois jogadores contratados, tudo transparente...
Um contrato de 4 anos é um claro excesso no caso de um treinador, não é uma demonstação de confiança ou falta dela, é um risco desnecessário.
Seja bem vindo Marco Silva, que tenha muito sucesso e consiga colocar a equipa a jogar como pretende e ganhar.

Bruno disse...

Quando foi de facto anunciada a Saída de Jardim? ontem, 19:45. Quando foi apresentado o Marco Silva? Hoje ás 19:45. Parece-me que 24h para resolver o problema é muito satisfatório! Os 4 anos justifica-se para que para o ano não tenhamos novamente a passar pelo mesmo. quanto á clausula de rescisão, poderia ser anunciada, mas não vejo mal algum que tal tenha sido feito! acredito que esteja blindado tanto para o mercado Interno como para o externo! E sim é muito bom termos uma direção capaz a defender os interesses do clube de forma competente e célere! parabéns a toda a estrutura para o trabalho desenvolvido.

leao revisor disse...

Acho que temos a necessidade de ter um treinador 2/3 anos no mínimo no clube, mas isso como todos sabemos depende unicamente dos resultados. Nem o man uth que fez um contrato de 6 anos com o Moyes o aguentou 6 meses, por isso o contrato de 4 anos quer dizer apenas que confiamos no seu trabalho.

Continuo a achar e aí não posso concordar com o que foi escrito, que partimos de uma melhor situação que o ano anterior, acho que partimos de uma pior situação que o ano anterior.

Não vamos ter a almofada de paciência, de redução de espectativas que tivemos o ano anterior, depois vamos ter um plantel recheado de putos que nunca colocou os pés em Portugal, que jogavam em campeonatos secundários.

Isto tudo vai fazer aumentar e muito a pressão, vamos ter mais jogos, e tudo assim vai ser mais complicado, veremos o que acontecerá.