quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Maribor 1-1 Sporting :: desastre defensivo!


Foi uma "derrota" o que ontem aconteceu na Eslovénia. Os 3 pontos estavam perfeitamente ao nosso alcance, conseguimos o golo, e que grande golo, e sofrer daquela inacreditável forma o empate, é patético!

Dá que pensar. Vai ser certamente o tópico de conversa de Marco Silva com os jogadores durante a semana com vista à deslocação a Barcelos.

Tem-se falado muito em Maurício e Sarr, a dupla de centrais que o Sporting tem apresentado em campo. No caso de Maurício não é nada que não conheçamos da época 13/14, mas como a coisa corria bem, o disfarce não caía. De Sarr volto a escrever o que já tinha escrito no início de época, custa-me perceber porque raio Paulo Oliveira, central que fez uma boa época no Vitória SC, com experiência europeia, não tem sido utilizado.

Mas a defesa não se esgota só nos centrais. Ilibámos Patrício, que voltou a fazer defesas fundamentais. Jefferson está longe da forma da época passada. Não é que ele seja muito bom a defender, mas tudo isso era "apagado" com boas exibições, excelente pulmão e disponibilidade física, e uma capacidade invejável de apoiar no ataque. A rever urgentemente pois para a semana até vai estar de fora e Jonathan Silva terá a sua oportunidade.

Ricardo Esgaio esteve bem nos jogos em que Cédric não pode dar o seu contributo. Cédric esteve lesionado, a 3 dias da viagem para a Eslovénia é dado como apto e volta à titularidade. Não deve ter sido fácil para Esgaio, até porque Cédric ontem não esteve muito bem.

A defesa, tirando o guarda redes, na generalidade esteve muito mal. 

Com uma defesa má, a falhar e a criar calafrios constantes, só há uma solução para, pelo menos, remediar o momento:  o ataque fazer golos. Não é o que está a acontecer.

Neste particular, não que o Marco Silva vá entrar em campo e fazer golos, já contra o Belenenses o figurino do Sporting deveria ter sido trocado. Mané já merecia a titularidade, e João Mário, como ontem se provou, já merece uma oportunidade.

Perderam-se dois pontos, "ganhou-se" um jogador para o meio campo que, em condições normais, poderá muito bem agarrar o lugar. João Mário tem de ser titular em Barcelos.

Como no ataque continuamos sem marcar, seja com Montero ou Slimani, deixámos Tanaka na bancada. Faz sentido. Claro que os nossos golos só podem surgir dos mais dotados de técnica, ontem foi Nani, que, como tem sido habitual pegou no jogo e empurrou a equipa para a frente.

A vida está muito complicada para Marco Silva. Não apresenta o futebol que muitos esperariam que o Sporting pudesse praticar, há decisões que não se compreendem e está a levar por "tabela" com as contratações que são duramente criticadas por muitos Sportinguistas. Nestas coisas só há uma solução e passa pelos resultados desportivos numa série de resultados positivos. Vejo aqui um paralelismo muito grande com o que aconteceu com Moyes no Manchester United, onde eram depositadas muitas esperanças, até pelo percurso num clube mais pequeno, e tudo correu mal. A ver se não nos acontece o mesmo! 

4 comentários:

chirola disse...

Típico comentário de adepto invertebrado. Errámos? Sim, é verdade. Os defesas centrais jogaram mal? Sim, não há dúvida. Continuamos a falhar golos em série? É óbvio que sim.

Mas daí a pôr tudo em causa como se tivessemos perdido em Maribor por 3 a zero ou se estivessemos a tentar não descer de divisão é preciso não ter tomado os medicamentos.

Bancada de Leão disse...

Vai chamar invertebrado a outro, pá!

Pôr tudo em causa? Poupa-me, dou a minha opinião e não estou ao serviço de ninguém!

Sérgio disse...

Que noite frustrante Varela, quando marcaram fui logo dormir com uma cabeça do c....!

Mas gostei das ilações que Mário Silva possa ter tirado do jogo, onde chegou afirmar que as falhas defensivas serão (para ele) mais preocupantes que a falta de eficácia à frente da baliza, no que eu concordo.

Enquanto o ataque não atinar (marcar +1 de golo numa partida), a defesa terá de estar melhor de forma a garantirmos as vitórias mesmo que pela margem mínima.

No meio campo AM é para queimar uma substituição, ainda ontem escondia-se do jogo em vez de se libertar para receber a bola redondinha dos seus colegas deixava-se antecipar constantemente. Vai ser muito positivo o assumir da titularidade do João Mário!

Em Barcelos mais uma oportunidade para melhorarmos o nosso jogo e marcarmos +1 golo.

SL,






Alex Girão disse...

O desastre foi ofensivo, pois uma equipa que desperdiça as oportunidades que os atacantes do Sporting desperdiçaram, não merece ganhar.