segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Sporting 1-1 Paços de Ferreira :: 45 minutos não chegam!

fonte: Bola na rede

Não foi mau, foi péssimo. Perder mais 2 pontos em casa, a 8 pontos do líder quando está decorrido um terço do campeonato, é péssimo. E há que assumi-lo!

Percebo que Marco Silva possa ter ficado insatisfeito com o lance anulado a Montero, com as oportunidades falhadas na segunda parte, mais que suficientes para vencer, mas não dá para atirar as culpas para os outros e é necessário fazer uma avaliação séria, agora que o campeonato mais uma vez vai parar. O Sporting perdeu mais 2 pontos em casa num jogo em que na realidade só jogou na segunda parte. Mérito obviamente do Paços, mas também muito demérito da nossa parte, ficando no ar que há jogadores que por vezes parecem estar completamente a passar ao lado da partida. Ontem o exemplo claro foi William.

A equipa era praticamente a mesma que jogou contra o Schalke na quarta feira e que fez uma excelente exibição. Não há espaço para desculpas relativas ao estado físico, e muito menos a falta de motivação. Daí que não se perceba como acontecem tão frequentemente estes picos exibicionais, um desastre em Guimarães e agora um desesperante empate com uma vitória pelo meio na Liga dos Campeões.

É essa avaliação que Marco tem de fazer. Perceber que há jogadores que até podem querer ir mais longe, para outros campeonatos, mas que ainda não estão nesse nível qualitativo, e que se não mostram o seu valor no Sporting, há quem os possa substituir e apreciar o facto de jogar no Sporting.

Uma das diferenças que tinha de acontecer esta época, quando comparado com a época passada, era o banco do Sporting. Em certa parte isso acontece, há soluções para quase todas as posições, ainda que por vezes de menor qualidade, aparentemente, mas que podem ser um caminho viável para não continuarmos a exibir-mo-nos em certos jogos por apenas 45 minutos.

E se não há essas soluções, se a equipa não consegue fazer melhor, então estamos perante um problema ainda mais sério, que em seu tempo será analisado, pois as expectativas para esta época eram altas, com o compromisso da Direcção, e que neste momento não estão ser cumpridas. 

O futebol, incluíndo B e formação, está a falhar em toda a linha e deve sofrer nesta altura uma avaliação justa e decisiva para que ainda se possa atenuar os efeitos negativos da qualidade praticada dentro de campo!

1 comentário:

Leo Filo disse...

Quanto dinheiro foi gasto no "reforço" da defesa e não temos um defesa central, já nem digo dois, com qualidade suficiente para representar uma equipa que, segundo o Presidente, é candidato ao título?
Quanto custaram Sarr, Paulo Oliveira, Rabia, Geraldes (por onde anda) e J. Silva? Com esse dinheiro não se conseguiu reforçar, com qualidade, a posição de defesa central!
Paulo Oliveira pode vir a ser um bom central, se tiver alguem com qualidade ao seu lado, e que não há no plantel (Maurício, não é, nem nunca foi, um central com qualidade para uma equipa que pretenda lutar pelo título).
Quanto custaram os "reforços" da nossa equipa B: Gauld, Geraldes, Slavchev? Esse dinheiro não era suficiente para contratar um central de qualidade?
Mas o trabalho que está a ser "feito" na formação é excelente....
e a culpa é... do Marco Silva, pois...