terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Não havia necessidade, Figo!



"Eu tive a felicidade de jogar no meu tempo com grandes jogadores, tanto na minha equipa como contra, possivelmente melhores do que Cristiano e Messi"

Não havia necessidade, sinceramente, de Luís Figo proferir estas declarações. Ele que foi um dos melhores jogadores do mundo, jogou ao lado de um dos "imortais" do futebol, Zidane, no seu tempo, protagonizou alguns episódios que ficarão para sempre na história do futebol mundial, não tinha necessidade de entrar nesta "guerra", também ela desnecessária.

Não é possível apreciar o futebol sem a constante necessidade de qualificar "o melhor do mundo"? É. Aprecie-se, então!

Sem comentários: