quinta-feira, 2 de abril de 2015

Elias? Olha do que se foram lembrar...


Subitamente, uns "artistas" lembraram-se voltar à baila com Elias. Uma chamada à Selecção serviu de arremesso para mostrar que era um excelente jogador e que Bruno de Carvalho deveria ter cuidado com os processos a antigos dirigentes.

Vamos lá por partes.

Elias é um jogador com qualidade. Nada de novo e escrevi isso por aqui. Apesar da sua passagem no Sporting nos ter dado mais a conhecer o seu pai que propriamente as suas qualidades dentro de campo. Godinho, esse enorme estratega financeiro do Sporting, e que por diversas vezes disse que o Sporting sem ele acabava, garantiu que os salários estariam em dia e que o problema seria prémios e outros afins contratuais.

Elias, para os que já se esqueceram, fez 16 jogos na época 12/13, até Dezembro e ser "arrumado". Em campo o seu brio profissional foi quase idêntico ao de um mercenário. Tendo nesses 16 jogos em que participou conseguido apenas 2 vitórias (Horsens e Braga)!!!

A época de 12/13 é a pior época de sempre do centenário Sporting Clube de Portugal, que, Elias, e outros, ficarão para sempre marcados como "obreiros" dessa marca vergonhosa e estrondosa do Sporting. Eu estive em muitos desses jogos a norte do Mondego a acompanhar a equipa. Sempre contra Godinho, mas sempre pelo Sporting, vi com os meus olhos as miseráveis exibições que eram feitas, o brio profissional nunca existiu!

Elias joga quando lhe interessa e o Sporting não era o seu interesse. O problema com a sua saída do Sporting foi bem resolvido!

Quanto aos processos, o Delgado, "ponta de lança" do Benfica no jornal "A Bola", diz muitas asneiras. Acentuaram-se a partir do dia em que foi convidado para ir à Sporting TV, com outros 2 jornais, e foi autenticamente "violado" em directo pelo Presidente do Sporting. O contraditório em directo atirou-o para um canto como se estivéssemos a ver uma combate de boxe. A partir desse dia, não mais perdoou Bruno de Carvalho.

Pegar no assunto Elias, numa exibição pela Selecção Brasileira, e ligar com os processos que esta Direcção moveu a anteriores dirigentes, é simplesmente má fé.

O Sporting actual apenas e só  pede explicações ao que de muito mau foi efectuado no passado. Pode ou não ter razão, será outra questão. E se o problema é a "abrir-se" uma caixa de pandora, a Direcção que se segue poderá também ela colocar em causa o que Bruno de Carvalho fez ou irá fazer.

Um Presidente do clube é responsável pelas suas acções e achar que está imune ao que de muito mau pode fazer ao clube, é, certamente, coisa do passado.

Delgado, que nem se lembrava do Elias até mudar de canal e parar para ver o Brasil, queria que o brasileiro ainda fosse jogador do Sporting depois de tudo o que ele fez, esquecendo-se, que acima do Sporting não está absolutamente ninguém, nem mesmo "Deus"!

2 comentários:

Afonso disse...

só um arranjo, acima do sporting está o benfica e o porto

Aboim disse...

Não irei falar sobre o Elias que nas poucas vezes em que o vi jogar pelo Sporting nunca me encheu o olho! Prestar aquí uma homenagem a Manoel de Oliveira (de que não vi nenhum filme) e a Silva Lopes (creio que um político honesto-raridade) seria para mim uma oportunidade para fazer aquilo que toda a gente faz! Eu aproveito este espaço para o fazer se me derem licença. No fundo, bem no fundo, gostaria de colocar Lopategui (se é assim que se escreve) pela suas já quase eternas desculpas falando dos árbitros! Começa a feder e pensó que nem os adeptos do Porto o irão suportar muito tempo! Só vi um pouco do jogo mas que é que ele quería no lance do penalti? Que o Xistra marcasse offside ao defesa do Porto? Revi ese lance no O JOGO on line e mais provas não podem existir de que Xistra agiu bem! Pode ser que o Porto ganhe a Champions mas, a acontecer, será tudo!