sexta-feira, 24 de julho de 2015

Pedro Proença, o candidato do Sporting!


Pedro Proença anunciou a sua candidatura à Liga de Clubes concorrendo contra Luís Duque, que, tinha dito em tempos que se houvesse outro candidato não iria a votos.

Ficámos a saber que Bruno de Carvalho quando confirmou isso, de Duque, estava a dizer a verdade, e é interessante pois parte-se muito do princípio, principalmente por rivais e afins, que Bruno de Carvalho por vezes não diz bem a verdade (foi o próprio Duque confirmou isto na televisão).

Bruno de Carvalho ontem respondeu muito bem a Luís Filipe Vieira. O Presidente do Sporting que até tem estado muito calado, mostrou que LFV quando esteve com Pinto da Costa na solução Duque , era pelo futebol e pela sua harmonização, agora que supostamente Pinto da Costa está com a solução que o Sporting apoia, sim, há quem diga que o Porto é que não encontrou um candidato para apresentar, é uma "cabala" contra Duque. E a máquina de propaganda está a funcionar bem, veja-se a quantidade de textos a falar bem de Duque no jornal A Bola.

Alguns apontamentos sobre este processo:

- Não se vai falar do que é essencial para o futebol português, esta eleição vai ser apenas mais uma de "uns contra os outros", e é pena.

- Não gosto de ver Pinto da Costa "ao nosso lado", seria hipócrita se dissesse o contrário.

- O Sporting, pelo seu Presidente, tem tentado trazer sangue novo para o futebol português desde que está à frente do clube. Pedro Proença, considerado por muitos o melhor árbitro português de sempre, podia ser a face dessa alteração, não me parece, dadas as condições desta eleição, com uma divisão bem clara. Era preciso alguma unanimidade e é isso não irá existir.

- Duque, mesmo não tendo sido apoiado pelo Sporting, realizou um conjunto de acções importantes na Liga e isso é inegável. O regresso dos patrocínios, embora com a anterior direcção não tenha acontecido porque houve "dedinho" do governo, estabilidade directiva e portanto, nestes últimos meses o trabalho foi positivo. Mas isso não quer dizer que não se possa ainda melhorar mais, e o Sporting entende que Pedro Proença pode trazer essa mais valia. Quero ouvir mais Pedro Proença a falar e menos os Presidentes dos clubes que o apoiam.

Os próximos dias, a eleição é na quarta, deveriam ser passados a discutir as propostas de um e de outro e já agora, com um debate (ou mais) em que ambos, Proença e Duque, sem Presidentes de clubes, discutissem frente a frente o que pretende para a Liga nos próximos anos. Com seriedade e realismo. Temo que nada disso vá acontecer!

1 comentário:

Aboim Serodio disse...

Tendo andado pelo estrangeiro (quer dizer fora do espaço Shengen) so hoje soube que Proença é candidato a Presidente da Liga! Se se mostrar tão excelente quanto Vitor Pereira (Duque) so me ocorre dizer que entre os dois (ou mais) venha o Diabo e escolha! È demasiado facil notar que certas equipas (clubes) so pensam naquilo em que podem tirar beneficios! E é assim o nosso futebol! Que pena tenho!