quinta-feira, 17 de novembro de 2016

A vaporização do momento!


Quem não ficou nada contente com estes últimos dias de discussão sobre vapores, foi o Partido Socialista. Depois de se conhecer o crescimento do PIB na economia Portuguesa, continuaram, os principais meios de comunicação social a dar mais importância ao episódio entre os Presidentes do Sporting e do Arouca.

É impossível começar este texto sem dizer que um Presidente do Sporting deve evitar, ao máximo, certas e determinadas acções. Por norma, não podia, nem sou a favor de certos comportamentos. Nem podemos ficar contentes por ver Bruno de Carvalho metido em situações absurdas como a que aconteceu a seguir ao jogo do Sporting - Arouca.

Mas, e há sempre um mas, é preciso recuar até ao final do jogo para perceber algumas coisas.

Na conferência de imprensa do Arouca, nesse dia, um dirigente do clube, filho do Presidente, já com suspensões no futebol Português, acusou o Presidente do Sporting de agressões, em nenhum momento, já agora, foi falado de cuspidelas. Acusou, acusou e acusou o Presidente do Sporting!

De seguida, o Director de Comunicação do Sporting desmentiu aquelas acusações. 

Os jornais, quase todos, realçaram as declarações do dirigente do Arouca e desvalorizaram as do Sporting. As notícias nesse dia e no dia seguinte foram todas contra o Presidente do Sporting. Inclusive, nessa noite, já madrugada, rapidamente uma certa máquina de propaganda colocou a circular um documento de um jogo Gil Vicente - Sporting onde Bruno de Carvalho teria lançado umas "bocas" a certos dirigentes do Gil. Azar, é que nesse caso em concreto a pena a que tinha sido sujeito nesse processo, já tinha sido revogada.

Mas estava feito o mais importante. Passar a imagem de arruaceiro de Bruno de Carvalho.

Seguiram-se dias e dias a atacar o Presidente do Sporting. Pelo meio ainda apareceram notícias de dívidas pessoais (mais que explicadas e mentirosas), fotos em Londres da sua vida pessoal. Até que se soube que havia imagens do túnel!

O Sporting manteve-se sempre calado. Só que a TSF lançou um texto em tinham acesso ao vídeo e numa primeira visualização percebia-se que o Presidente do Sporting estaria ilibado das acusações iniciais que tinham sido efectuadas pelo dirigente do Arouca.

Entretanto, o vídeo é conhecido.

O dirigente do Arouca é desmentido. Alguns jornais, enfiam a cabeça num buraco. O director de comunicação do Sporting tinha razão.

O único problema, na minha humilde opinião, é que preferia nunca ver o Presidente do Sporting a fazer aquelas figuras. Mas porra, ninguém é de ferro. A campanha que estão a montar de acusações falsas com vista ao próximo processo eleitoral é demasiado violenta.

Vídeo visto, aparece a "vaporização". Dias e dias a discutir uma "vaporização". O Sporting, espero eu, que se remeta ao silêncio. O processo seguiu os trâmites normais e serão as entidades competentes a julgar. 

Repito, preferia não ver o Presidente do Sporting naquela figuras, mas já chega de quererem à força toda passar a imagem de um homem parecido com Vale e Azevedo. Esse sim, preso. Pelo meio, o Presidente do Benfica foi suspenso dois meses, já agora.

Diria que é um boa altura para o Sporting, em termos de comunicação institucional, relativamente a este caso, remeter-se ao silêncio. E responder apenas e só dentro de campo!

3 comentários:

Manuel disse...

O director do Sporting não teve razão. O acto de BC, uma vergonha sem desculpa para qualquer pessoa de bom senso e com um mínimo de civilidade e educação, tira qualquer razão a qualquer tentativa de desculpabilização. Os tiros nos pés continuam alegres e felizes e o descalabro cada vez mais próximo. Como benfiquista agradeço.
Facto: é BC que cresce para CP e o interpela fisicamente no corredor comum quando este ia a caminho da saída. Não contente com isso, ainda lhe atira algo para a cara e o empurra. Humilhante e vergonhoso!
Isto de alguém que se porta como um vulgar carroceiro quando se devia portar como um anfitrião, com fair play e princípios de urbanidade e boa educação. Quanto muito ignorava e virava-lhe as costas.

CARLOS GOMES disse...

O que é que o próximo ato eleitoral tem a ver com isto? O que eu vejo é BDC pôr-se a jeito para estas situações, BDC é o presidente do Sporting, não é do Canelas.

Bruno Ope disse...

Mentiroso. És um merdas mentiroso. És pior que o Porco esPinho mais novo.
Aquilo que dizes que aconteceu não é verdade é só um nojento para inventar merdas dessas