quarta-feira, 3 de maio de 2017

Respeito pelo futsal do Sporting!

foto: Sporting

Quando sofremos o 5-0 fiquei sem palavras, olhei para o lado, no Solar do Norte, estavam lá as 3 pessoas que iam comigo no carro para Braga e disse "não dá mais, vamos embora"!

Nem queria acreditar que o futsal do Sporting tinha sido goleado, daquela forma. Mas, e há sempre um mas, principalmente com esta secção, o Miguel, o Nuno, o João, o Diogo e por aí fora, merecem que continuemos a apoia-los como sempre o fizemos. Se há atletas e dirigentes que têm dignificado o símbolo que ostentam, são eles. Todos, sem excepção!

Se recuarmos ao início da época, não há dúvidas que o Sporting projectou a época, financeiramente, com vista à conquista da UEFA Futsal Cup. É lógico e esse era o grande objectivo da época. Falhámos!

Era um objectivo final que sucedia a outros dois objectivos. Primeiro era preciso estar na Final Four da UEFA Futsal Cup, que conseguimos. Depois era preciso estar na final da UEFA Futsal Cup que conseguimos. Perdemos no derradeiro objectivo. Mas, não tenho dúvidas que iremos regressar e conquistar o único troféu que nos falta numa modalidade em que somos a maior potencial nacional e uma das maiores da Europa. Mesmo que longe, financeiramente, de outros.

Se recuarmos ao dia do sorteio da final four da UEFA Futsal Cup, quando nos saiu em sorte o Ugra, parecia que o céu tinha acabado de desabar em cima de nós. Lembro-me bem do que li e ouvi de muitos Sportinguistas sobre o adversário que iríamos ter pela frente. Muitos deles são os mesmos que no fim de semana disseram coisas absolutamente tristes e irritantes sobre o futsal do Sporting. Aqueles que pensam que numa final four, onde estavam 4 campeões dos respectivos países, só nós temos o direito de pensar que podemos e vamos ser campeões.

O Ugra, patrocinado pelo gás russo e detentor do título europeu foi eliminado de forma brilhante na meia final. Foi, provavelmente, esse jogo que ainda nos catapultou o desejo, ainda mais forte, de conquistar o troféu que nos fugiu pela segunda vez.

Mas no domingo passado tudo correu mal. Não praticámos o futsal que estamos habituados e pela frente tínhamos a equipa que nesta competição tem o melhor registo de vitórias. Para não falar de contar nas suas fileira com o melhor jogador do mundo.

imagem: gastos de ordenados futsal do Barcelona


Já agora, e porque nesse dia li tantas asneiras sobre o futsal do Sporting, nós investimos muito no futsal, qualquer coisa como 2 milhões de euros, mas, o Inter Movistar está anos luz à frente desse valor. Não tenho aqui os valores que eles têm como orçamento, mas o futsal do Barcelona, por exemplo para esta época, que tem um orçamento inferior ao Inter Movistar, só para ordenados esta tem 4 milhões de euros (ver imagem). Portanto, agora imaginem o resto. Não é desculpa, nem iria usar isso como argumento para explicar o nosso falhanço, mas é justo que se esclareçam certos ditos.

O Sporting, o futsal do Sporting, não atingiu o objectivo principal da época e não imagino, nesta altura, pessoa que mais deva estar a sofrer com isso que Nuno Dias. Percebeu-se isso na conferência de imprensa e resta-nos, como Sportinguistas, estar sempre ao lado de equipas que dignificam a camisola com o Leão Rampante. E o futsal quando entra em campo é um excelente exemplo disso. Correu mal no fim de semana, já passou e há que seguir em frente para lutar pela conquista do título nacional e Taça de Portugal. Eles merecem todo o nosso apoio!

Sem comentários: