quarta-feira, 21 de junho de 2017

Viva o Pavilhão do Sporting!

foto: JAC1965


Hoje corrige-se um erro colossal que vinha a atormentar a vida centenária do Sporting Clube de Portugal há 15 anos. É inaugurado o Pavilhão João Rocha.

Tinha tudo para ser um dia para festejos, não só pela abertura do novo espaço, que inclui Museu e Loja Verde, mas, essencialmente porque os atletas das modalidades deste grandioso clube vão voltar a ter um casa próxima dos adeptos e sócios do clube que todos amamos. Mas, a morte de Vítor Araújo, sócio com mais de 50 anos, candidato a Sócio do Ano na Gala de 2017, retira algum brilhantismo a um momento incrível na vida do Sporting. 

À família de Vítor Araújo os meus mais sinceros sentimentos pela dor e perda do seu ente querido que é sentida igualmente por todos nós.

No plano pessoal fico muito contente por ver, finalmente, o pavilhão pronto. Contribuí para a Missão Pavilhão, não sou mais do que quem não contribuiu, apenas tive possibilidade de o fazer, e foi o meu comprometimento perante por um equívoco histórico que, há uns anos, eu como tantos outros leões não deveríamos ter deixado acontecer quando mudámos para o novo estádio José Alvalade.

Com o pavilhão do Sporting vem também a rotunda do Leão com uma estátua que já esteve na categoria de entulho, foi recuperada por outra direcção e agora volta a um local ainda mais digno.

Em relação às frases só mesmo os Sportinguistas para arranjarem as polémicas que não interessam a ninguém. Tem uma do fundador e do actual Presidente. Fosse Godinho, Bettencourt, Soares Franco, Dias da Cunha, Santana Lopes ou Roquette responsável pela obra, aceitaria de bom agrado o seu nome por lá. Mas, como sabemos isso não foi possível e enquanto uns prometeram e adiaram, pelo menos Bruno de Carvalho tem o mérito de ter cumprido a promessa de construção do Pavilhão João Rocha.

Que a linha paralela da história das modalidades que foi criada quando deixamos a Nave de Alvalade, volte hoje a ser uma única e que os sucessos sejam festejados com todos no meio de uma família que aguentou estoicamente uma das maiores tropelias que aconteceu na história do Sporting Clube de Portugal!

Viva o Sporting, vivam as modalidades!

Sem comentários: