quinta-feira, 31 de julho de 2014

Eric Dier, adeus!


Quem não quer ficar no clube, a porta de saída é o caminho único e perfeito para seguir. Dier, há muito que se falava que não desejava continuar no Sporting. Nesse particular, na minha opinião, foi ingrato.

Ontem Bruno de Carvalho poderia e deveria ter dito que tinha a proposta do Eric Dier. Não acredito que ela tenha vindo só hoje. Ou, aproveitando o nosso canal falava apenas aos jornalistas da Sporting TV. A fiabilidade e consistência da comunicação entre Direcção e adeptos/sócios têm de continuar forte.

Há muito que se falava de uma clausula de rescisão na ordem dos 5 milhões, já em 2013. Por exemplo, recordo a seguinte notícia ou a que está lá em cima a ilustrar o post. Não vale a pena continuar a falar da incompetência da Direcção anterior, e outras. É um facto!

Amanhã pelas 19 horas entram para o relvado os jogadores que vão lutar pelo título. Esses é que apoiamos. Zero ídolos, mas apoio total e incondicional!

1 comentário:

Relva disse...

Venda possível, no timing possível, se existia essa clausula, para quê continuar a valorizar um activo que não nos iria pertencer?
Excelente post, de verdadeiros sportinguistas.