sábado, 16 de agosto de 2014

Começa o campeonato e o preço absurdo dos bilhetes!


A Liga Portuguesa tem um provedor do adepto. Há muito tempo. Não tem patrocinador, não tem presença nas redes sociais digna de uma competição que anda há anos a querer modernizar-se, mas não consegue sair da lama em que está enterrada, mas tem um provedor, do adepto. 

O campeonato começou ontem. Hoje o Sporting inicia o seu périplo ao longo de 34 jornadas, das quais, 17 são fora de Alvalade. O respeito pelos adeptos é pouco ou quase nenhum quando falamos dos bilhetes.

Sim, volto ao preço dos bilhetes fora de portas. É vergonhoso o preço que continuamos a assistir, mesmo que hoje, na primeira jornada, esteja uma boa casa em Coimbra.

A imagem em cima mostra alguns dos tweets que o Provedor do Adepto, Jorge Cadete (nem quero saber como raio lá foi parar), escreveu há 3 dias quando alguns de nós se insurgiram, de forma correcta, contra a palhaçada que é a falta de regulamentação séria e justa para os preços dos bilhetes.

E não falo só do Sporting. Hoje o mais barato é 19€, em Barcelos esta tarde para os adeptos do Vitória é 20€ e por exemplo, para o rival Benfica no Bessa é 25€. Calha a todos!

Hoje os emigrantes, os adeptos do "é só um jogo", os que gostam de dizer "a responsabilidade é dos clubes" e por aí fora, falam de boca cheia porque Coimbra vai ter enchente e outros se seguirão. Mas em Dezembro, com aquela chuva terrível, ou num qualquer recôndito estádio perante um nevoeiro intenso e um frio de rachar, eu quero ver esses argumentos quando os estádio estiverem vazios.

Pede-se apenas que haja uma discussão série sobre uma temática que afecta quem, e vou dar uma de Freitas Lobo, ama verdadeiramente o futebol ao vivo e não pretende ver em casa no conforto do lar. Estudem-se outras formas de realizar dinheiro, discuta-se uma realidade que nos atormenta há alguns anos, e não é preciso ir muito longe para ver que é um problema, em Inglaterra os protestos ganham nova dimensão, e na Alemanha, terrada Bundesliga dos estádios cheios e do campeão do mundo de futebol o preço médio do bilhete mais barato andas pelos 12,5€-15€, e como bem sabemos, os Alemães são mais pobres que nós.

Cá continua-se a assobiar para o lado, porque a discussão, infelizmente, só interessa a quem lhe "sai do lombo"!


Sem comentários: