quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Carrillo no derby? Se renovar ou...


A noite passada o Peru perdeu 3-4 com o Chile. Carrillo jogou e saiu lesionado aos 39 minutos de jogo. É pena. O jogador (ainda) é do Sporting, apesar do processo disciplinar em curso. Mesmo compreendendo algumas das críticas que o Presidente do Sporting fez a todo o processo, e concordando com elas, e tendo sempre como premissa que o Sporting está acima de qualquer individualidade que para o clube trabalhe, alguns impropérios têm sido injustos com o jogador.

Coisas como, "Carrillo só joga bem em final de contrato", "Não andou cá a fazer nada nos outros anos", "vai para o Porto", "vai para o Benfica", não ajudam absolutamente nada a situação e o ruído criado em torno deste assunto torna-se ainda maior.

Não vale a pena repetir o que já tinha escrito em "Fim da Linha para Carrillo", está lá tudo o que penso, à data, sobre a situação.

Hoje os jornais não falam da lesão de Carrillo. As edições à hora do jogo já estariam fechadas. Há, no entanto, cheiro a perdão por todo o lado, que, ou é mentira, ou é colocado por alguém com interesse em resolver a situação.

Sobre esse possível entendimento, realço 3 pontos importantes.

Primeiro, Carrillo só poderá voltar ao jogo, convocado, se efectivamente renovar, e ficar, ou assinar algo que confirme a sua saída em Janeiro mas que o Sporting faça um encaixe financeiro com a sua venda.

Segundo, isto já não vai lá com pedidos de desculpas, nem abraços, nem contratos verbais ou falinhas mansas. Ou é tudo preto no branco, ou tudo continuará como está.  

Terceiro, nunca Carrillo poderá ser convocado porque o Sporting vai jogar contra o Benfica. Aliás, já basta a estupidez que o ROC disse num programa de televisão sobre a importância do Benfica para os Sportinguistas. Que fale por ele, ainda admito, agora num canal público dizer e querer ser representante do clube, é demais.

O Benfica é o rival, nada de novo, são dois jogos absolutamente essenciais na vida dos dois clubes, mas, não são mais que 3 pontos, quando estamos, ainda, numa fase tão prematura do campeonato. 

Carrillo daria jeito ao Sporting, óbvio, mas nunca a qualquer preço!

Sem comentários: