quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Perder a paciência com Jorge Jesus? Mas anda tudo maluco?


"A derrota do Sporting frente ao Borussia Dortmund fez soar o alarme em Alvalade. A equipa comprometeu a passagem aos oitavos-de-final da Liga dos Campeões e alguns adeptos começam a perder a paciência com Jorge Jesus."
SIC Noticias

A sério? E a notícia não é "carvão" porque basta andar atento ao que se vai passando entre redes sociais e dias de jogo do Sporting para se perceber algum descontentamento. A questão é mesmo, a sério?

Bem, o que vou a seguir dizer não é novidade para qualquer Sportinguista atento. Eu não sou, principalmente nos últimos tempos, adepto de ficar completamente deslumbrado com um treinador ou jogador. Admito que o Liedson foi o último a "enganar-me", já muito falado neste blogue, e que quantos aos treinadores, acreditei que Domingos podia fazer algo muito positivo no Sporting. O problema foi o resto.

Então vamos lá recordar as últimas 6 épocas do Sporting para perceber que Jorge Jesus é, provavelmente, o melhor treinador desde que Boloni foi campeão.

Época de 2009/10, fim da linha para Paulo Bento forever e Carlos Carvalhal, 4º lugar a 28 pontos do primeiro. 

Época 2010/11 com Paulo Sérgio à frente do clube onde conseguimos ficar a 36 pontos do primeiro lugar.

Época 2011/12 com Domingos e Sá Pinto e 26 pontos do primeiro lugar.

Época 2012/13 com Sá Pinto, Oceano, Vercauteren e Jesualdo Ferreira, a pior prestação de sempre do Sporting no campeonato nacional com um miserável 7º lugar a...novamente 36 pontos do primeiro lugar. Fora das competições europeias.

Época 13/14 com Leonardo Jardim e finalmente melhorias, luta em alguns momentos pelo título e 2º lugar no campeonato. Apuramento directo para a Liga dos Campeões.

Época 14/15 com Marco Silva onde, em certas alturas, tentámos lutar pelo título, ainda assim vencemos a Taça de Portugal.

Época 15/16 com Jorge Jesus e o Sporting, pela primeira vez em 10 anos a lutar de igual para igual pelo título de campeão nacional, a pratica bom futebol e onde tudo ficado decidido a 60 minutos do final de campeonato.

Escusam de vir com os orçamentos e afins, por exemplo, vejam lá bem a equipa de Marco Silva, por exemplo, ou o dinheiro gasto noutras alturas por Godinho Lopes. E, não quero deixar de realçar isso, para Jorge Jesus fazer o bom trabalho que tem vindo a fazer, foi importante a Direcção que encontrou, bem como o trabalho que Leonardo e Marco deixaram no clube.

Jorge Jesus tem muitos defeitos mas ninguém poderá duvidar da sua capacidade para colocar o Sporting a praticar futebol e intrometer-se na luta pelas decisões mais importantes a nível nacional. 

O objectivo desta época é ser campeão e não é à 7ª jornada que se faz a avaliação do seu trabalho, nem se confunde os jogos da Liga dos Campeões com os nossos principais objectivos. Na altura certa, como com qualquer treinador, haverá tempo para perceber se tem ou não condições para continuar à frente dos destinos do Sporting, mas para já, não há dúvidas que é o homem certo no lugar certo!

4 comentários:

Sérgio Manso disse...

Subscrevo na integra o artigo de opinião.

Frost Scp disse...

Seria tão ridiculo como Man Utd despedir Mourinho ou o Chelsea Antonio Conte....

Jorge Jesus é um dos melhores treinadores do mundo pelo que isso é apenas conversa da treta !

CARLOS GOMES disse...

Vila do Conde, Guimarães, 1º parte contra o Dortmund, alguma coisa se está a passar. Não sei e já começo a duvidar se o Sporting se reforçou e quando eu digo reforçar refiro-me a acrescentar valor ao que já existia. Por outro lado o "Eu" nunca ganhou jogos, portanto....

Alexandre Martins disse...

deixem-se de tontarias! o mister jorge jesus ainda agora começou o trabalho dele no grande SCP:deixem que o acabe para que possamos festejar muitos títulos, a procissão ainda só vai no adro !!!