Sporting 1-0 Paços :: Taça Portugal
















Cumpriram-se os serviços mínimos. Em Alvalade estive presente com pouco mais de 8.000 adeptos. Vi um jogo de futebol fraco, onde apenas existiu uma equipa e que assentou num 4-4-2 deprimente. Valeu a jogada do golo de Yannick, levem-no já, o remate ao poste de André Santos e como não poderia deixar de ser, o susto no último minuto na nossa baliza perante um Daniel Carriço desesperado.

A vitória é inteiramente justa, não concordo nada com Rui Vitória, treinador Pacense, que afirmou que a sua equipa jogou muito bem e merecia pelo menos o empate. O Sporting foi a única equipa durante os 90 minutos que procurou o golo, e conseguiu, a vitória e não falhou. Aliás, a tal única oportunidade do Paços de Ferreira é um lance caricato com a perda da bola a ser realizada no nosso ataque.  

Já estamos nos oitavos de final rumo ao Jamor, na próxima quinta feira o adversário que se segue será conhecido!

p.s. uma última nota para Paulo Sérgio, na conferência de imprensa antes do jogo falou da titularidade quase certa de Postiga, e da possibilidade se entrassem  2 jogadores para o ataque de Saleiro. Entrou Liedson e Saleiro apenas nos descontos do final do jogo. A cara do jovem atacante dizia tudo!

Comentários

Sérgio disse…
Está visto que jogando em 4-4-2 não vamos a lado nenhum.

A táctiva tem de ser 4-3-3 com o Valdés a 10.

O Liedson para já terá de começar no banco.

SL,
Nuno disse…
4-3-3;
Com P. Mendes a 6; A. Santos a fazer de Moutinho, e Valdes solto.
Postiga, Liedson (ou Salomao) e Vuk na frente

Mensagens populares deste blogue

Obrigado, Ristovski!

Macron, Nike, quem para o Sporting?

Desperdiçar uma liderança forte!