terça-feira, 29 de março de 2011

A entrevista de Godinho Lopes



Ontem Godinho Lopes deu a sua primeira entrevista alargada enquanto novo Presidente do Sporting. Apesar de ser uma figura detestável, não o vou esconder, alguém em quem eu seria incapaz de votar, é no entanto Presidente do Clube que amo. Assim sendo, não vou enveredar por uma política de terra queimada, e o que tiver que ser decidido em tribunal que seja, caso contrário, a democracia existente tem de ser cumprida.

Confirmou-se na entrevista, algo que já tinha reparado durante a campanha. Godinho responde bem e está seguro dos dossiers enquanto é entrevistado sozinho, do que aconteceu quando era um "boneco" manipulado pela agência de comunicação durante o mês que antecedeu as eleições. Esteve seguro e pronto a responder a qualquer questão do jornalista.

O que se destaca então desta entrevista e que pontos foram fundamentais:

Auditoria
Falou, voltou a falar e assegurou que irá falar com os que foram candidatos como ele à Presidência do Sporting para perceber em que moldes a promessa eleitoral de todos irá avançar. É fundamental e de uma vez por todas assegurarmos que vamos ter acesso às contas do Grupo Sporting.

Futebol e investimento
Em relação à equipa e à forma como será construída para a próxima época, afirmou o que já há muito se sabia. Luís Duque será o responsável com Carlos Freitas da preparação da nova época, o dinheiro necessário, os tais 40 milhões (não há para já nada na CMVM que aponte para a origem deste dinheiro), estarão disponíveis até ao final da época vigente. Há ainda um objectivo mínimo a decorrer, e por isso, foi à Academia ontem falar com os actuais jogadores para os incentivar.

Pavilhão
O prazo de construção é de 15 meses, estará para breve o seu início, e lembrou que será executado perfeitamente dentro do seu mandato, do qual fez questão de recordar que são 36 meses.

Subserviência a norte
Cortar, finalmente, o cordão umbilical com o poder instalado. Relações institucionais com os grandes clubes, Porto e Benfica sim, mas voltou à baila um assunto que era dos poucos que Dias da Cunha tinha bem pensado, o manifesto anti sistema. Gostei desse momento, a ver se o cumpre!

Couceiro
Um assunto importante, até porque tem contrato é alguém que ele falou na sua integração na actual equipa, embora me pareça muita gente. Falou de um procedimento interno e que tudo estava tratado com o Director Geral. A ver vamos, porque da forma como falou deste assunto parece-me que poderá não demorar muito a saída de Couceiro.

Treinador
Realçou que venceu as eleições sem apresentar um treinador, continua sem confirmar Domingos e que no final da época será apresentado o treinador que está há muito pré-acordado e que não será alterado independentemente dos jogadores que venham para o Sporting. O acordo está feito e só falta chegar à jornada 30 do campeonato para que seja conhecido.

Por fim destaco a relação que deseja manter com Bruno de Carvalho e que espera trabalhar com ele no futuro do Sporting!

10 comentários:

Jorge disse...

Gostei mais de o ouvir ontem do que em toda a campanha. Pareceu-me mais seguro de si e determinado a fazer o que prometeu. Também eu era pelo Bruno mas não deveremos achincalhar o presidente do SCP. Pelos menos temos de o deixar trabalhar durante uns tempos para que possa mostrar o que vale. Se houve fraude nas eleições então que sejam repetidas. Senão houve temos de aceitar os resultados, mesmo sabendo que ele teve menos sócios a votarem em si do que a lista C. Mas essas eram, à partida, as regras do jogo...

RogerLeo disse...

Não era o meu candidato mas esperava com alguma expetativa esta entrevista á Sic Noticias. Se cumprir, tudo o que afirmou (projectos do Sporting, pavilhão, academia, sócios, núcleos, estatutos, etc), creio que temos PRESIDENTE... como Sportinguista parece-me que temos de dar tempo (ou o beneficio da dúvida) ao Presidente eleito... pareceu-me ser um homem de ideias fixas e objectivas e que não vacila perante os fracassos... vamos aguardar. Pelo menos, entrou com o pé direito em Alvalade... SCP4EVER

Anónimo disse...

Ontem também fui surpreendido com a entrevista. Nunca teria votado nele (o meu voto foi para Dias Ferreira e penso que a ideia do Futre - um jogador chinês - não devia ser difundida mas estava mais do que certa) mas ontem vi alguem com o trabalho de casa feito. Já tinha conversado com o arquitecto do pavilhão, com os elementos das modalidades. Os contactos com jogadores tinham sido efectivamente confirmados pelos agentes. A união entre todos. A auditoria.
Não posso negar que fiquei expectante com o que pode vir dali.

Pedro Varela disse...

Será interessante ver como irá acontecer a, suposta, reunião entre ele e o Bruno de Carvalho.

Anónimo disse...

Tudo muito bonito sim senhor, mas isto já se sabia à partida. Ou ficaram surpreendidos por ele estar a tentar cumprir o que prometeu?

Mas o que é certo é que a sua linha de continuidade é ao nível da SAD e da banca. Todos os projectos que ele tem vão ser pagos outra vez pela banca? Por créditos? Tudo muito bem no início mas depois quero ver o passivo e as dívidas.
Já estou a ver a penhora do clube, RIP Sporting!

:'(

Pedro Varela disse...

Sim, a linha de financiamento será pela banca, acho que disso poucas dúvidas haverá.

A questão da entrevista da Godinho não será a supresa ou não, é o carácter informativo da mesma.

Podemos não concordar com ele, nem ter votado nele, mas há que perceber o que se vai passar e que linha vai ser seguida.

E estou curioso, daí ter deixado para o último parágrafo, como vai reagir Bruno de Carvalho, porque já sabemos que o tempo joga contra ele!

Sérgio disse...

A Leviandade desta gente ... assim todas as suspeições são possíveis.

Assim é difícil virar a página.

Assim que tanto contesta estas eleições terá a sua legitimidade.

""VOTOS NÃO ESTAVAM SELADOS"

Rui Oliveira Morgado, eleito como secretário para a assembleia geral na lista de Bruno de Carvalho, revelou ontem que "os votos" das eleições de 26 de Março "estavam numa sala" em Alvalade "disponíveis a várias pessoas".

"Dentro desse espaço, estavam em sacos do lixo sem estarem selados", explicou, durante a sessão de esclarecimento das eleições do Sporting. "Fui falar com Godinho Lopes e expliquei-lhe a situação. De seguida, chamámos a polícia para selar a porta da sala onde estavam os votos, juntamente com os cadernos eleitorais", frisou Rui Morgado, assegurando ainda que chegou a falar a Lino de Castro numa recontagem dos votos, o que acabou por não acontecer, dado que não foi feito um pedido formal. "

Já agora não foi dito que os votos estavam selados e numa zona segura !??? a mim quer me parecer que não.

SL,

SportingSempre disse...

Boa tarde,

Venho por este meio informar que as manifestações já estão oficialmente marcadas, vão a www.sportingsemgodinho.blogspot.com e vejam todas as informações

Anónimo disse...

Politica de terra queimada é deixar esta gente ficar lá mais tempo até já não haver mais para sacar.

SportingSempre disse...

Comunicado da Organização "Sporting Sem Godinho"
Boa noite a todos,

Vimos por este meio comunicar, que as manifestações marcadas, não têm, nem nunca tiveram algo a ver com a candidatura do Dr. Bruno de Carvalho.
As pessoas responsáveis pela organização destes protestos, não defendem qualquer tipo de candidato às passadas eleições, defendem sim, que o Eng. Godinho Lopes não é a pessoa indicada para gerir o nosso grande Sporting, muito menos, para ser o presidente de todos nós.
Desta forma, podemos dizer que não fazemos parte dos supostos 36.15% de eleitores que supostamente votaram nas supostas eleições do passado sábado, porém, fazemos sim, parte dos supostos 63.5% que não votaram na Lista A.
Queremos também comunicar, que as manifestações planeadas, já mais serão violentas, e jamais, deixaremos ficar mal o nosso Sporting por qualquer tipo de acto planeado. Da mesma forma, que em nada fomos responsáveis pelos acontecimentos da madrugada de Domingo, dia 27 de Março.

Cumprimentos,
A Organização, Sporting Sem Corrupção