quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Angola 4-0 Sporting

















Qual foi a parte que não entenderam que era para promover a imagem do Sporting?

Claro que as mexidas foram muitas e compreende-se, claro que notava-se o receio de disputar alguns lances, claro que estiveram em campo muitos jogadores jovens, mas tínhamos a obrigação de fazer um pouco melhor!

Na primeira parte gostei do Chaby, na segunda...foi quase um vazio completo, Capel e Farley. A boa notícia: não se lesionou ninguém!

8 comentários:

João Barbosa disse...

Numa equipa com tantos juniores era difícil fazer melhor. São miudos com 17 anos que estão agora a dar os primeiros passos no futebol, muito fracos fisicamente. 2 centrais juniores, contra uma selecção de africanos que são fortes fisicamente. Não há que pôr nada em causa.

Lion King disse...

Pedro, estou nervoso e muito, muito, muitíssimo!, chateado.

A conversa de que isto não valia para nada é-me indiferente. Servia. Para o prestígio, para a afirmação da superioridade leonina, para a consolidação do poderio da equipa da ´metrópole´!

Na vez disso, uma humilhação (e podia ter sido pior) e a perda de oportunidade de criar onda para os dois próximos jogos.

Estou muito triste. Este não é o meu Sporting. Pensava que já tinham acabado as palhaçadas...

Anónimo disse...

Pois e, nao vi muito empenho em jogadores que aspiram a ser opcoes no plantel principal...Assim vai ser muito dificil a Pereirinha, A. Santos ou Arias.

Pedro Varela disse...

João Barbosa,

Não estava com expectativa num grande jogo, até porque a maré de azar com as leões poderia trazer-nos problemas, mas a imagem que o Sporting passou foi muito fraca.

Lion King,

compreendo-te bem, e como diz o anónimo seguinte houve jogadores que perderam completamente a oportunidade, e nestes jogos mesmo não contando para nada é que se pode mostrar que realmente contam para alguma coisa.

SL

Anónimo disse...

Sinceramente acho que vamos perder os dois próximos jogos e a partir de aí cair psicologicamente e na tabela.

Desculpem o desabafo pessimista mas é o que sinto.

Joaquim Torres

Pedro Varela disse...

Caro Joaquim Torres,

de onde vem esse "desespero" todos? Claro que não somos a melhor equipa do mundo, mas também não estamos em depressão. Os próximos 2 jogos serão importantíssimos, o primeiro porque é a eliminar e contra uma equipa que joga bem, o segundo, no meu entender, contra a equipa que tem o melhor conjunto 11+subs.

SL

Anónimo disse...

Boa noite!

Digo já de entrada que nao vi o jogo, expondo-me ao argumento do "tu nao sabes do que falas". E digo-o porque realmente nao venho comentar o jogo ou argumentar sobre o jogo mas sim sobre os comentários que aparentemente gerou.

Nao tinha nenhuma expectativa em relaçao ao resultado. Aliás, noutra altura, com outra política de empréstimos, com menos presença em selecçoes estrangeiras e nacionais de vários escaloes e com menos competitividade em vários campeonatos (internos e internacionais, novamente em vários escaloes) certamente teríamos dado mais luta e talvez até ganho o jogo. E aí o Sporting seria o tal clube grande em todo o mundo que aparentemente, ao que leio, hoje nao foi.

Também nao tinha expectativas em relaçao a resultados porque nao só nao conheço bem os juniores do Sporting como nao conheço nada da selecçao angolana. E nenhum de nós conhece o que pode funcionar uma equipa mista de seniores titulares, seniores suplentes, juniores titulares e juniores suplentes. Num jogo a feijoes. Numa viagem relâmpago. Contra um adversário que nao foi certamente estudado com o mesmo rigor e minúcia que os anteriores. Num momento em que a equipa sénior está a contas com várias lesoes na primeira linha.

Quero que o Sporting ganhe sempre. Mas quero ainda mais que o Sporting tire proveito dos jogos treino, e nesse caso, há derrotas muito mais úteis do que muitas vitórias.

Pedro, vou ter que discordar de ti: mesmo sem ter visto o jogo, acho que há mais do que essa boa notícia de nao haver lesoes, e das boas indicaçoes do Chaby e do Farley. Há a boa notícia de certamente haver angolanos que nunca tinham visto o Sporting ao vivo e que por fim podiam vê-lo e até conviver com os jogadores. Há a boa notícia de se fortalecer relaçoes com a Federaçao angolana e intensificar os esforços que poderao dar frutos no futuro, nao sao ao nível de reforços para a equipa mas de extender uma filosofia de trabalho e de desporto saudável e que faça alguma coisa pela comunidade. Há a boa notícia de estrear miúdos numa equipa sénior contra um adversário de CAN e Mundial, de experimentar coisas novas num ambiente desprotegido, diferente do que seria um jogo-treino em Alcochete. Assim que tenhamos confiança (eu sei que tens eheh).

Claro que preferia que o Sporting tivesse ganho e jogado muito bem mas retenho estas boas notícias porque as "más" nao deixam marcas tao duradores como as que deixam estas boas que mencionei, a meu ver. Além de que ainda nao ouvi a avaliaçao do treinador ou de jogadores para poder julgar a forma como este jogo foi encarado.

E o "meu Sporting" nao é o que vai afirmar "o poderio da equipa da metrópole". Há-de ser ou de outra gente, como o Lion King, aparentemente. O meu nao é esse, o meu é o que, entre outras coisas, respeita o adversário e que nao treme nem questiona tudo como se fosse umas palhaçadas por causa de uma derrota.

saudaçoes leoninas,
tiago

Leão de Alvalade disse...

Muito bem Tiago, é esse o espirito!