terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Sem comentários!




Estes últimos dias tivemos um árbitro a pedir desculpas no Facebook por ter errado no Dragão, o Presidente do Porto a exigir a profissionalização dos árbitros e no site do clube um vídeo com dualidade de critérios relativo ao último jogo, Fernando Gomes já é Presidente da Federação, aquele dos bilhetes do Araújo (acho que a Direcção do Sporting não deve conhecer o vídeo) e o próximo jogo é um clássico Sporting-Porto.

Quanto ao vídeo acima...sem comentários!

2 comentários:

Mike Portugal disse...

É algo que nos ultrapassa infelizmente. Só podemos é trabalhar para depender o menos possivel das decisões da arbitragem.

Pedro O. disse...

Julgo que o que mais importa do fim de semana é mesmo o PC ter voltado a falar. "Aquilo" ainda existe, "aquilo" parece estar preocupado com algum tipo de incompatibilidades de funções (conflito de interesses) dos arbitros, o que deve deixar qualquer um, um bocadinho mais atento com a certeza que a vergonha na cara não lhe terá aparecido com a idade. Grave é o Duarte Gomes que, como sabem, não é competente, mas sim alguém extremamente preocuapdo com o sucesso da sua carreira (a de arbitro) a fazer um exercicio de charme, aceitando as criticas de quem verdadeiramente manda. E Duarte Gomes não tem duvidas em quem manda (vide a celeridade da idiota declaração no FB e a total falta de preocupação do mesmo para com o gravissimo precedente que abriu e a vergonhosa falta de coerencia que a atitude comporta).

Pedro, a questão do Adrien com o Insua, é secundária (pessoalmente até aceito a decisão), o problema mesmo é que estamos a 12 pontos (6 de cada um) pessoalmente acho que à 13 jornada dissemos adeus ao campeonato o que não pode estar associado a um balanço (provisório, é certo) positivo da época e temos o PC a falar e os arbitros, jornalistas e outros paineleiros a tremer.

Se dúvidas houvesse, fica a certeza de que os equilibrios de poder são imutáveis e que o Sporting não pode estar alheado desta realidade e continuarmos a assistir a recados publicos de Duque para Godinho e declarações institucionais, disfarçadas de pessoais, etc, etc...

Custa ver uma equipa quase mediocre como tem sido o FCP, estar com a vantagem que tem, na luta por um titulo, quando internacionalmente, com arbitros "menos influenciaveis", apresentou resultados e um futebol tão fraco.