sexta-feira, 22 de março de 2013

Do segundo debate desta noite...

Não gostei do excesso de zelo de Bruno de Carvalho, o que permitiu que no primeiro terço do debate Couceiro estivesse mais em foco a passar as suas ideias.

Acabou por ser Severino, quando finalmente deixou falar de Cruyff, que começaram a aparecer as primeiras acusações, o que serviu de "mola" para Bruno de Carvalho colocar a nú algumas das debilidades de Couceiro. A certa altura a parecer um "saco de boxe", pela inexperiência nestas andanças.

Essa inexperiência notou-se quando se sentiu apertada com a história de Izmailov e Paulo Barbosa, a descida do Alverca (que aconteceu mesmo e ele quis passar a imagem que não) e a incorreção de dizer que um elemento da sua lista esteve na de Bruno de Carvalho na área financeira (não era verdade, era da comunicação).

Os debates terminaram, não sei se foram ou não tão decisivos como achava que iriam ser há umas semanas atrás.

A quem acha que os debates deviam ter sido mais esclarecedores, relembro que aconteceram por parte dos vários candidatos inúmeras sessões de esclarecimento.

4 comentários:

Sérgio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sérgio disse...

Varela,

Relativamente ao debate eu acho que o BdC soube ajustar o seu desempenho às suas "necessidades", basta lembrares que no inicio do debate BdC falou dos ataques do Couceiro relativamente a não ter passado desportivo algo que Couceiro negou e pediu para ver as entrevistas onde teria dito tal coisa, passados uns minutos, depois de uma troca de galhardetes acerca das experiências boas ou más vimos JC perder o controlo emocional e acusar BdC de não ter passado desportivo :) ... na altura BdC até comenta "está ver HC, esta é a campanha rufia de JC".

Outra foi o caso da Fusão sa SPM no clube :
BC- Eu sou o único que vai às assembleias gerais
JC- Isso não é verdade
BC- Eu não o vi na ultima.
JC- Pois, eu não estava lá
BC - Pois...

Para além das incongruências que falaste eu acrescentaria a do caso Izmailov quando JC diz que ele não foi para o FCP em 2011 (era Diretor Desportivo) porque ele não deixou ... é que para os mais distraídos JC no debate anterior disse que não pode mexer com as políticas de contratações e de formação do SCP porque tinha pessoas com maiores responsabilidades acima dele dando a entender que não tinha poderes para tanto. É caso para perguntar em que é que ficamos senhor Couceiro !??

Sobre Carlos Severino pode não ter o nível que desejaríamos para um candidato ao nosso clube mas pareceu-me alguém honesto Sportinguista que merecia maior respeito, o que JC fez ao chamar-lhe ignorante não é correto ou será que todos os sócios Sportinguista que confrontem o senhor JC serão todos ignorantes !????

Que desta vez sejamos felizes nas nossas escolhas e que o próximo presidente do SCP consiga romper com o passado.

SL,

Sérgio disse...

Varela,

Outra questão importante o BdC já disse que o plano de restruturação financeira da direção atual ficaria na gaveta, já JC deu a entender que iria seguir o plano da atual direção.

Acontece que BdC avançou que esse plano envolvia despedimentos coletivos penhora de receitas de quotização de sócios e outras questões que agora não me recordo bem.

Convém realçar este ponto pois muitas vezes as pessoas dizem que os debates não são esclarecedores porque se distraem com o acessório (troca de insultos entre JC e Severino) e deixam passar o mais importante.

SL,

Leo disse...

Um tipo que se deixa entalar pelo Severino num debate na televisão, não pode nunca ser Presidente do Sporting Clube de Portugal.