Sporting 1-2 Desportivo das Aves :: valeu pela amizade!



Parabéns ao Desportivo das Aves pela conquista da Taça de Portugal. Jogou melhor, mereceu vencer e a "maior Vila de Portugal" está em festa pelo feito inédito!

A festa da Taça é das melhores coisas que o futebol nacional tem. Um encontro absolutamente incrível com os 3 ingredientes necessários, amigos, comida (inclui a bebida) e futebol e obrigatórios para um dia que se recordará para sempre na vida, para o bem e para o mal, de um adepto de futebol.

A semana passada foi atípica. Em 42 anos da minha vida de Sportinguista nunca tinha vivido nada assim. Não tinha esperança alguma de ver a final de ontem. Porque não tinha bilhete, porque não conseguia adquirir um bilhete, porque os incidentes da Academia arrancaram uma parte de mim, da minha paixão pelo futebol, que me levava a equacionar tudo. Mesmo tudo!

Sobreviver à semana passada, pelo menos em termos anímicos, no que respeita à minha pessoa, era o primeiro passo para, quem sabe, ter a sorte de ainda poder ir ao Jamor. Aos poucos fui percebendo que o amor que tenho pelo Sporting ultrapassa aquilo que por vezes eu penso ser possível. Realmente, a grande questão é que ficámos cegos com o clube, a irracionalidade dispara, só queremos estar ao lado do clube, seja nas alegrias ou nas tristezas. Assim, o destino Jamor tinha de ser possível!

Felizmente, um dos ingredientes, os amigos, funcionou. Uma desistência foi preenchida com a minha vaga. Marcaria presença no Jamor.

Como tinha referido em cima, os amigos são essenciais nesta equação. Sem eles, o prazer de ver o Sporting, decresce um pouco. Não há nada mais fantástico que um dia inteiro a falar de futebol, a comer e beber, seguindo de uma partida de futebol. Com o aproximar de domingo, a "família" começou a juntar-se. Estava a preparar-se um dia que serviria, principalmente, para esquecer esta última semana, debatendo entre nós, entre diferentes correntes, o Sporting. Falar do passado, presente e perspectivar o futuro. Sempre com a mesma paixão.

Do Porto, saímos 9 Leões. Dois são habituais companheiros do podcast Sporting160, os outros são habituais amigos das deslocações, principalmente, nos jogos aqui no Norte. O meu primeiro agradecimento é para eles. Sem eles, tudo teria sido diferente e para pior. O segundo agradecimento é para as dezenas de pessoas que cumprimentei na mata do Jamor. Os amigos habituais que tenho em Lisboa (e não só) e os novos que fazem parte de família que vamos construído semana após semana de Norte a Sul passando pelas Ilhas. Obrigado a todos, é um orgulho ser vosso amigo. É um prazer que me concedem poder discutir de forma apaixonada o Sporting.

Quando chegámos ao recinto, já perto das 13h, estava preparado para esquecer tudo até ao apito final do árbitro. Obviamente, digo-o sem problemas, aliás, disse-o numa pequena nota a um jornalista do Maisfutebol, contava com a vitória e esperava "ter algumas horas para esquecer o momento que o clube atravessa e aproveitar a festa"

Assim foi até às 17h15. Porque a partir desse momento tudo mudou.

Enquanto não começou o jogo foi uma tarde onde se viveu o Sportinguismo e onde constatei aquela que é uma verdade insofismável que o meu amigo Zé tão bem costuma dizer, "enquanto houver Sportinguistas, o Sporting nunca acabará"

E acrescento que enquanto houver pessoas como o João, mentor do projecto Sporting160, tudo se fará para engrandecer o nome do Sporting com os meios que estão ao nosso alcance. Pelo Sporting tudo!

O meu Sportinguismo nestes dois últimos anos cresceu, coisa que pensava não ser possível, a viver semanalmente e intensamente os assuntos do Sporting com o João e o Zé, os convidados e todos os que nos ouvem e criticam. Este criticam é especialmente importante para o nosso crescimento. Obrigado a todos!

Poderia ter sido a tarde perfeita, dentro do possível. Mas a partir das 17h15 começou o pesadelo.

Começou logo tudo mal com a equipa que Jorge Jesus apresentou. Dois trincos para jogar diante do colosso Aves (com todo o respeito que me merece). Mesmo percebendo todos os problemas do Sporting durante a semana que antecedeu o jogo de ontem, neste final de época o Sporting fez 3 jogos diante de Benfica, Marítimo e Desportivo das Aves. Tinha de vencer pelo menos 1 (Benfica em casa ou Marítimo) para o campeonato, marcou apenas 1 golo, e ontem para conquistar um título. Empatou e perdeu duas vezes com exibições sofríveis.

O modelo que Jorge Jesus implementou na segunda parte da época estava gasto, principalmente, ao nível das soluções enquanto alternativa. Os treinadores adversários, grande parte deles, percebeu isso. A par disso, os reforços do mercado de inverno não funcionaram e os que ainda foram parte da solução, na minha opinião, por exemplo Bryan Ruiz e Montero, não foram utilizados da forma mais adequada em detrimento das habituais escolhas, algumas inconsequentes. A teimosia de JJ foi um problema.

Claro que não podemos esquecer o que se passou durante a semana e a forma como tudo se terá abatido sobre os jogadores, tanto ao nível da cabeça, como, obviamente do treino e preparação do jogo. Os processos não se desaprendem, sabemos disso, mas não terá sido com a mesma vontade, não há problema em dizê-lo, e muito menos com a mesma capacidade emotiva, que estes entraram em campo para conquistar uma Taça que tenho a certeza absoluta que gostariam de vencer.

Isso faz-nos pensar a todos. Desde o Presidente, peça fundamental neste processo, até aos adeptos!

O balanço da época será feito a seu tempo, é preciso perceber como vão ser os próximos dias, mas, é certo, que uma época que poderia ser mascarada com uma possível vitória ontem, acaba quase por ser um falhanço se pensarmos a nível interno. A vitória na Taça de Liga é, pela importância do dinheiro no orçamento dos clubes, menos importante que o segundo lugar e uma possível qualificação para a Liga dos Campeões!

Comentários

David Pereira disse…
Boa tarde,

Gostava de saber a vossa opinião sobre os onzes que elaborei em jeito de balanço do campeonato português:


Onze Ideal: http://davidjosepereira.blogspot.pt/2018/05/i-liga-201718-onze-ideal.html

Revelações: http://davidjosepereira.blogspot.pt/2018/05/i-liga-201718-revelacoes.html

Flops: http://davidjosepereira.blogspot.pt/2018/05/i-liga-201718-flops.html