Braga 1-1 Sporting :: nos pénaltis surgiu Renan!



O Sporting venceu e eliminou o Braga na meia final da Taça da Liga. Empate no tempo regulamentar, não vencemos nos 90 minutos porque o VAR não viu um pénalti claro sobre Coates. Na lotaria das grandes penalidades, Renan foi a surpresa e o herói. No sábado há final inédita, diante do Porto, numa competição que precisa urgentemente de ser revista pela Liga Portuguesa.

Não é só de futebol que se vivem estas noites como a de ontem. Antes do apito inicial, depois de muitas conversas nas redes sociais, especialmente no twitter, conheci o Yuri. Um Leão de Lisboa que está há 20 anos na Irlanda. Já não vinha a Portugal há 3 anos. As filhas trataram de tudo e ele, em solo português, claro que arranjou forma de marcar presença em Braga para ver o seu grande amor e assim pude cumprimentá-lo pessoalmente. Viu o jogo ao nosso lado, estava eu e o amigo Miguel, vibramos, sofremos, muito e festejamos no final. Obrigado Yuri, foi um prazer ver estes "90 minutos" contigo!

Depois há o outro lado. O lado que teimosamente não desaparece do futebol português e que já muitas vezes referenciei aqui e no podcast Sporting160. Os dirigentes, os treinadores e os jogadores deveriam ser limitados a falar apenas e só sobre o jogo, dentro do relvado. 

A Liga Portuguesa não quer melhorar o futebol português. Nas últimas 48 horas foram 2 jogos de futebol mal arbitrados. Se por um lado a suspeição é a base de todas as acusações, principalmente de quem perde, e podíamos até ser nós, por outro lado os árbitros em Portugal são, na globalidade, fracos. Tanto se fala do futebol inglês e que não falam de árbitros, ou do futebol americano (NFL) que levam multas a sério, estava na altura da Liga impedir os agentes desportivos de comportamentos deploráveis.

Depois há Abel. Um caso estranho de ressabiamento. Jogou no Sporting, treinou no Sporting, saiu do Sporting. Odeia o Sporting. Tem um discurso, sou sincero, coerente e até interessante, mas tem um problema enorme: só fala, em modo raivoso, quando perde contra o Sporting. Ainda há dias foi humilhado na Luz e ninguém o viu assim. O jogo de ontem não é razão para nada do que Abel fez na conferência de imprensa. O golo do Braga foi bem anulado, há pénalti sobre Coates, é uma arbitragem mediana de um árbitro fraco.

Keizer pouco mexeu na equipa e apenas introduziu Luiz Phellype em jogo no lugar de Bas Dost. O Sporting sofreu o golo bem cedo, naqueles minutos iniciais incompreensíveis onde deixamos que os adversários façam tudo. Depois equilibramos, marcámos e terminamos a primeira parte em cima do Braga.

A segunda parte repete-se com o Braga a marcar no início, precedido de falta, logo o golo foi anulado. O Sporting ajusta, tem algumas situações para passar para a frente do marcado, o Braga também, inclusive um remate à barra e percebia-se que um golo poderia decidir a partida. O Sporting poderia ter marcado esse golo num pénalti claro sobre Coates aos 86'. O VAR, que faz falta ao futebol português mas que não vai transformar árbitros maus em árbitros bons, não concordou.

Fomos para os pénaltis. É a terceira vez consecutiva que assisto ao vivo, em Braga, pénaltis nesta competição. No ano passado contra o Porto e o Vitória FC, este ano com o Braga e um herói, provavelmente, improvável: Renan!

Os primeiros quatro pénaltis foram falhados, dois para cada lado, depois entrou-se em modo de quem falha perde e o Sporting foi mais feliz seguindo em frente e rumo à final.

Não estiveram muitos Sportinguistas em Braga nesta meia final quando comprado com o ano passado. O preço era 3x superior, este ano o bilhete mais barato era a 15€, no ano passado era 5€, o adversário no ano passado era o Porto, este ano foi o Braga e também do lado deles estava pouca gente.

No sábado, os que se guardaram para a final não têm desculpa. O Sporting precisa do nossos apoio!

Comentários

Unknown disse…
"O Sporting poderia ter marcado esse golo num pénalti claro sobre Coates aos 86'. O VAR, que faz falta ao futebol português mas que não vai transformar árbitros maus em árbitros bons, não concordou."

Texto brilhante, como já nos habituaste, mas discordo da frase acima. O VAR concordou, tanto que deu indicação ao árbitro principal para ver as imagens. O árbitro (pior que medíocre, é mesmo mau) é que não concordou.
Bancada de Leão disse…
Pois...Rui...talvez possa ser isso.

Mensagens populares deste blogue

Porque não concordo com a expulsão de Bruno de Carvalho!

Sporting 2-3 Rio Ave :: fim de ciclo para Keizer!

A receita Bas Dost!