Sporting160 analisa o momento actual do Sporting



Muito se tem falado do momento actual do Sporting, muito se tem escrito e pouco ponderadas têm sido as diferentes opiniões que se tem encontrado, passando os jornais uma imagem terrível sobre o nosso clube.

O episódio de ontem do Sporting160 foi, acima de tudo, um acto responsável na difícil tarefa de discussão sobre o que se está a passar no clube. Na minha modesta opinião, vale a audição, ou clicando em cima ou pelas outras diferentes formas para acompanhar o podcast:


Mixlr
http://mixlr.com/sporting160/showreel/sporting160-analisa-o-momento-do-sporting/

iTunes
https://itunes.apple.com/pt/podcast/sporting160-live-podcasting-feed/id1192777763?mt=2

Android
Numa aplicação de podcasts e pesquisar por "Sporting160"

Mixcloud
https://www.mixcloud.com/sporting160/sporting160-analisa-o-momento-do-sporting/

Comentários

Unknown disse…
Estranho o comentário no podcast em virem falar de abutres na oposição e nas candidaturas anunciadas? Baseiam a vossa em rumores da comunicação social. PMR anunciou alguma candidatura? A única coisa que disse é que era tempo de agir, porque lhe foi perguntado. Não veio a correr para os microfones falar.
Gostava de ver alguém como Benedito candidatar-se.
Bruno de Carvalho tem de sair. É um problema, deixou de ser solução. Alguém que envia um comunicado a anunciar a suspensão de jogadores 2 horas antes dum jogo é de alguém que está mais preocupado com a sua imagem do que com o Sporting.
Bancada de Leão disse…
Rumores? Ouve lá bem o podcast em vez de mandares postas de pescada.
Falaram em 2 momentos: um candidato, já assumido e por 2x, o tal sobrinho-neto, e no rumor do Rui Santos.

O PMR pode fazer o que ele entender, o Sporting é um clube democrático.

Bruno de Carvalho tem de sair se os sócios assim entenderem.

Unknown disse…
Exactamente. Num RUMOR de Rui Santos. Quanto ao sobrinho-neto de Travassos, para já é um caso isolado, mas daí a ser uma grande preocupação do universo leonino, de que é preciso manter o Bruno para evitar os abutres, como se vai ouvindo por aí, vai uma grande distância.
A preocupação não é se há abutres ou não, é de perceber se o Bruno tem condições para se manter cargo. Por ele, claro que sim, porque “não tem onde cair morto”, nem ele nem a mulher, que ele promoveu. Isso sim, é servir-se do Sporting. Depois alguém que emite comunicados a 2 horas do jogo é alguém preocupado com a sua imagem e recepção no estádio, não em ganhar o jogo.
Por último, e mais importante, vejo em muito lado escrito que ele só deu este erro. Primeiro, já deu muitos e, acima de tudo, ele reconheceu algum erro?? Daí achar-se que ele vai mudar só dá vontade de rir.
É a minha opinião como sócio de que neste momento não tem quaisquer condições para se manter no cargo, eu que já fui apoiante dele.