domingo, 13 de Abril de 2014

Há atletas no Sporting que merecem o esforço pelo pavilhão!


Se me perguntarem objectivamente se fiquei contente com a Missão Pavilhão? Não. Não fiquei. Já pago o suficiente para o clube que amo muito ter a oportunidade de nos construir um pavilhão ao lado do nosso estádio e completar assim a "nossa casa".

Mas vamos recuar um pouco.

Quando em 2003 Alvalade foi inaugurado foram poucos os que reclamaram o pavilhão. Sejamos coerentes, eu sei que não fiquei espantado por não haver um pavilhão, e na altura ter ido na conversa dos concertos, do modernismo do estádio, do fosso e tantas outras coisas. Na altura acreditava que outros valores poderiam trazer-nos para a ribalta do futebol português.

Fui enganado. Deixei-me ser enganado. Há alguns anos que tenho muito cuidado com tudo que é o universo do Sporting.

O património desportivo do Sporting, imobiliário desportivo, só faz sentido com 3 vértices absolutamente cruciais: Estádio, Academia e Pavilhão. Os dois primeiros construídos e em funcionamento, embora fruto de manobras financeiras das mais incríveis que temos memória. O pavilhão continua em modo de espera até que seja possível a sua construção.

E podemos continuar com as sucessivas direcções. Claro que é mais fácil desculpar as contratações absurdas de Pongolles, Tinga, Gladstone, Wender ou Caceres. Só assim estes 5 que totalizam uns 11,5 milhões de euros. Dava para um bom pavilhão.

E assim foi-se caminhando até que Bruno de Carvalho assumiu, finalmente, a Presidência.

Vamos então voltar atrás, novamente, não muito, até quando foi apresentado o seu programa eleitoral.

A palavra "pavilhão" aparece 3 vezes nas promessas eleitorais do Bruno de Carvalho. Vale a pena ler antes de se dizer algumas asneiras.

Prometeu? Sim, fazendo as análises necessárias para a sua construção. Não foi uma promessa cega, como muitos querem fazer passar a mensagem.

"Criação de sinergias entre as modalidades. A construção de um Pavilhão junto ao Estádio José de Alvalade e o seu projeto desportivo terá de passar por uma análise séria das modalidades existentes com a criação de sinergias entre o futebol e todas elas, para potenciar os patrocínios"

"Casa das Modalidades. Criar as condições necessárias para a construção de um Pavilhão junto ao Estádio José de Alvalade e fazer dele a Casa das Modalidades."

"Análise e criação de condições para a construção de um Pavilhão Multidesportivo sustentável, tecnologica- mente o mais avançado possível, e devidamente ape- trechado junto ao Estádio José de Alvalade."

Volto agora ao início do texto. Preferia que o Sporting não tivesse que fazer esta missão? Preferia. Muitos está preocupados com a forma desta missão. Falam em peditório. Não é propriamente um instrumento de marketing, ainda que tenha alguns itens promocionais e que não seja um "enviem-nos o vosso dinheiro e nós fazemos isto".

Preferia outro produto? Provavelmente. Quem sabe uma gamebox modalidade de um determinado valor superior ao que que custamos pagar e que a tal parte desse dinheiro fosse para o pavilhão. Talvez assim não fosse tão problemático. Porque parece que o problema é o nome e não o objetivo.

É que por vezes parece que nos esquecemos que, porque o Presidente aprovou um plano financeiro rigoroso que nos aliviou a "carteira", não quer isto dizer que estamos com dinheiro a sobrar.

Se o Sporting quisesse ainda ser mais digital e estar na vanguarda, às tantas podiam até ter lançado num site próprio uma campanha ao estilo do Kickstarter. Era global e fundamentalmente inovadora.

Volto a questionar, preferia de outra forma? Preferia. Mas se me perguntarem vais contribuir? Vou. Claro que vou. 

Há milhares de atletas da modalidades do Sporting que merecem a honra de vestir a nossa camisola numa casa condigna. Por esses, vou fazer um esforço financeiro!

Parabéns ao Andebol do Sporting pela conquista da Taça!


Vitória na final diante do ABC por 34-29.
Terceira vitória consecutiva na prova e 15ª do historial!

André Carrillo foi o homem do jogo!


Agora é possível votar para o melhor do Sporting nos seus jogos através da aplicação. Já não fui a tempo dessa votação, no entanto, aquele que teria o meu voto acabou por conseguir ser eleito Homem do Jogo: André Carrillo!

Sporting 2-0 Gil Vicente :: vitória natural!


Foi uma vitória justa num jogo totalmente controlado pelo Sporting. Marcámos a abrir e a fechar o encontro, dominámos sem qualquer problema a partida, o Gil Vicente não rematou à baliza de Rui Patrício, que nem precisava de ter subido ao relvado.

A música da Champions já se ouve em Alvalade. Está próximo o objectivo que muito poucos acreditavam. Quem diria que a 3 jornadas do fim, ainda tínhamos uma (remota) hipótese de lutar pelo título.

Foram a Alvalade 33 mil Leões. Rugiram o bem cedo com o golo de Slimani, após assistência de Carrillo. Ainda decorria o primeiro minuto de jogo.

Aproveito os 89 minutos de jogo que houve entre os dois golos para falar do Peruano. Não entendo como continua a ser assobiado o jovem jogador. Ontem, por exemplo, esteve nos dois golos. Os melhores lances da partida tiveram a sua intervenção. Façamos uma comparação com Capel, que teve mais um jogo mau. Aliás, desde praticamente a célebre época da ida à meia final da Liga Europa, onde o espanhol teve papel preponderante que nunca mais foi o mesmo.

Claro que se pode dizer que o Espanhol já fez fantásticos jogos, mas está claramente, pelo que me dá a entender à espera de uma possibilidade para sair.

Carrillo é o único jogador que alia técnica a uma capacidade criativa, explosiva, capaz de fazer a diferença contra qualquer adversário. Está a passar um período, na minha opinião, de crescimento, maturidade, de lhe colocarem a cabeça no local certo. Leonardo Jardim é o homem perfeito para isso.

Se em sua casa é constantemente assobiado, se não consegue a calma necessária para evoluir, mesmo que já esteja há 3 anos no Sporting, onde raio é que vai conseguir?

E chegamos ao minuto 90. Montero recebe a bola, endossa para Carrillo que coloca em Heldon para fechar a partida.

O Sporting venceu e aguarda calmamente pelos resultados dos seus mais directos adversários. Tem sido assim nos últimos tempos, aliás, estamos a 3 jogos de fechar o campeonato sem perder contra os chamados "pequenos". Dizem, que na nossa história apenas por uma vez o conseguimos. É a tal regularidade que é necessária para se fazerem campeões. Isso e vencer aos eternos rivais com maior regularidade.

A próxima época marca esse desígnio!

sábado, 12 de Abril de 2014

Pavilhão do Sporting (também) depende de nós!


"Missão Pavilhão: 50€

Do valor 40€ vão directos para a construção do pavilhão. Desta missão, quem contribuir recebe uma camisola do Sporting (com o símbolo antigo) e um vale de 24€ em quotas que pode ser oferecido a um novo sócio."

Anunciado pelo Presidente Bruno de Carvalho antes do jogo diante do Gil Vicente.

Questionário sobre os equipamentos do Sporting



Caros Leões respondam ao questionário no site do Sporting sobre os equipamentos, a nossa opinião conta por isso é que o Sporting é Nosso! 

sexta-feira, 11 de Abril de 2014

Wilson Eduardo regressa aos convocados

Na semana passada Wilson Eduardo não foi convocado para o jogo diante do Paços de Ferreira. Jogou pelos B no domingo, o Sporting venceu e Wilson marcou um golo.

Esta semana é a grande novidade na lista apresentada por Leonardo Jardim para a recepção ao Gil Vicente.

Convocados
Rui Patrício e Marcelo Boeck;
Cédric, Maurício, Rojo, Jefferson e Eric Dier;
William Carvalho, Adrien, André Martins, Vítor e Gerson Magrão;
Slimani, Montero, Capel, Carlos Mané, Heldon, Carrillo e Wilson Eduardo.

quinta-feira, 10 de Abril de 2014

O Sporting tem de ser apenas e só o Sporting! (II)


É que já não se aguenta esta conversa entre (alguns) Sportinguistas que o Sporting tem de seguir o caminho de determinados clubes.

No ano passado era do Dortmund, aliás, ainda na terça feira, era o caminho a ser seguido. Depois na quarta já era para se seguir o caminho do Atlético de Madrid.

No próximo ano aparece o Ajax a fazer uma boa época, e lá vem a conversa do seguidismo, simples e demagógico.

Já o disse no passado e volto a referir que, quando falamos de seguir, por exemplo um Borussia de Dortmund, ao início rio-me da facilidade com que se diz isso, como se fosse apenas necessário colocar uma receita mágica numa "bimby" qualquer e que os resultados seriam instantâneos.

O princípio é bom, é recomendável, mas, não esquecer os seguintes factos sobre o Borussia: faz parte de uma das ligas mais competitivas do mundo, numa economia que não é a nossa, com adeptos a deter outros argumentos que os do Sporting não têm e por fim, são apenas a 11º equipa do mundo em termos de receitas, só uns míseros 189 milhões de euros (época 2011/2012 relatório da Deloitte). Isto é só um exemplo.

O Sporting pode olhar para estes casos, e outros, e perceber as boas práticas usadas, mas em termos de caminho tem de seguir o seu próprio caminho. Sempre tivemos uma identidade, histórica e única, e é este o trilho que deve ser respeitado!

Sporting tem de ser apenas e só o Sporting!

quarta-feira, 9 de Abril de 2014

Shikabala para 2014/2015

fonte: O Jogo

Muito se tem falado de Shikabala. Muito se tem falado, em grande parte pura especulação!

Shikabala chegou ao Sporting e rapidamente se pensou que seria reforço para esta segunda parte da época. Não aconteceu. É claro que no início e para combater a ansiedade que alguns adeptos iriam mostrar, muitos adeptos, falou-se num período de adaptação de 4 semanas.

Depois veio a lesão. Depois vieram as críticas ao Leonardo, é verdade, cheguei a ler coisas como "não se entende como não joga", "compraram-no para quê", "porque não joga Shikabala" e por aí fora.

Finalmente fala alguém que está por dentro da situação, não é que fosse necessário falar. Não vejo razões para não acreditar no trabalho de Leonardo Jardim e confiar que se o jogador não tem sido opção, é porque o treinador entende que seja não seja uma mais valia para o grupo.

É ler o que está na imagem que acompanha o post e manter a calma.

segunda-feira, 7 de Abril de 2014

Elias vendido ao Corinthians


100% dos direitos desportivos, 50% dos direitos económicos detidos pela Sporting SAD cedidos por 4M€. Poupança global de 8M€ onde se inclue o salário do jogador e direitos de imagem.

22 anos!

foto: EFE/EPA/Estela Silva

Sir William Carvalho está de parabéns!

domingo, 6 de Abril de 2014

Os valores não se impõe, praticam-se!


"FC Porto B recusa entrar em campo com miúdos da formação do Farense"

Só ainda não percebi se é porque o Farense é filial do Sporting ou se por ter vendido os direitos televisivos à Benfica TV.